Feira de Santana amanhece sem ônibus a partir desta terça-feira

ONIBUS FEIRAOs motoristas e cobradores dos ônibus urbanos de Feira de Santana vão entrar em greve a partir da meia noite desta segunda-feira por tempo indeterminado. A confirmação da paralisação foi feita pelo vereador e presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Feira de Santana, Alberto Nery.

Segundo ele, foram realizadas, desde quinta-feira da semana passada, várias reuniões com a participação do ministério Público, do secretário municipal da Fazendo, Expedito Eloy, e do prefeito José Ronaldo de Carvalho, não sendo possível um acordo.

Nery informou que na manhã do último domingo (21) houve uma reunião com o prefeito e ele disponibilizou 500 mil reais para que as empresas pudessem pagar o 13º salário e o vale dos funcionários, mas as empresas alegaram que o valor era irrisório para o pagamento dos créditos dos trabalhadores, cujo valor total é em torno de 1 milhão e 300 mil reais.

“O prefeito saiu da reunião, não houve acordo e a greve está mantida. Estamos cumprindo o que manda a lei que determina que a greve só pode acontecer 72 horas depois da sua publicação e assim estamos fazendo”, afirmou.

O sindicalista disse ainda que a greve não está sendo motivada apenas pelo não pagamento do 13º salário e os salários do mês de dezembro, mas que as empresas também não pagaram o plano de saúde que venceu no dia 15 de dezembro e 300 mil reais do vale alimentação.
Fonte: acordacidade.com.br


Comentários ()