Maitê Proença pede indenização de R$ 500 mil à Rede Globo

A primeira audiência na 54ª Vara do Trabalho, no Rio de Janeiro, entre Maitê Proença e a TV Globo foi realizada ontem (31). Na ação, a atriz pede R$ 500 mil de indenização por direitos trabalhistas por 37 anos de trabalhos na emissora.

Em entrevista ao programa “Roda Viva”, da TV Cultura, Maitê revelou ter sido informada sobre a demissão por meio da imprensa, em 2016. No processo, ela convocou a própria filha, a advogada Maria Proença Marinho, para representá-la, e contratou o advogado Tulio Claudio Ideses.

Maitê segue os passos de Carolina Ferraz, que também abriu um processo contra a emissora, para reivindicar os direitos trabalhistas, onde pediu na ação R$ 7 milhões. Diretores da Globo avaliam que não devem dar trabalho a quem processa ou fala mal da casa.

por Metro1

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*