Outubro de 2018 foi o menos violento dos últimos 12 anos em Feira de Santana

Houve uma redução de 44,44% no índice de homicídios no mês de outubro deste ano em comparação ao mesmo período no ano passado. Com 15 homicídios registrados, outubro de 2018 é também o menos violento dos últimos 12 anos. Em outubro de 2006 foram registrados 14 homicídios e nos anos posteriores o índice passou a aumentar, caindo só agora em 2018. Em outubro do ano passado foram registrados 27 homicídios. Confira no gráfico:

Entre as 15 vítimas de homicídios, estavam uma mulher e dois menores de 18 anos. Todas as vítimas foram mortas a tiros.

Crimes Violentos Letais Intencionais

Além dos 15 homicídios, a Polícia Civil registrou em Feira de Santana, em outubro de 2018, um latrocínio (roubo seguido de morte) e um excludente de ilicitude (legítima defesa). Além destes Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), foram registradas 10 mortes violentas em decorrência de ação policial.

O delegado Fabrício Linard, titular da Delegacia de Homicídios, disse ao Acorda Cidade que os números indicam que o índice em Feira de Santana pode chegar à meta de redução do governo do estado e que o trabalho em conjunto com a Polícia Militar, Polícia Civil, Poder Judiciário e Ministério Público contribuem com essa redução, especialmente por conta das prisões de acusados de praticar vários homicídios.

“Já estamos caminhando para uma redução do semestre, que é a meta do estado e torcendo para o trabalho continuar neste mesmo sentido e termos uma redução significativa nos meses de novembro e dezembro, para fecharmos o ano pelo menos no mesmo patamar de anos anteriores ou até mesmo com redução. Isso é fruto da parceria entre a Polícia Civil, a Polícia Militar, o Judiciário e o Ministério Público. As prisões de acusados homicídios contribuíram para a redução. Só em outubro realizamos nove prisões, e em todo este ano foram 95 prisões. Seguramente estas prisões realizadas nos garantiram essa redução. Passamos a eleger alvos prioritários, alguns deles contumazes na prática de homicídios. Um indivíduo desses, que pratica dois, três quatro homicídios, quando permanece preso é garantia de homicídios a menos em Feira de Santana”, afirmou.

Veja a seguir a quantidade de CVLIs por bairros e por Companhias Independentes da Polícia Militar (CIPM):

Número de CVLIs em áreas das CIPMs:
64ª CIPM: 03 CVLIs
65ª CIPM: 04 CVLIs
65ª CIPM: 05 CVLIs
66ª CIPM: 04 CVLIs

por Acorda Cidade

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*